fbpx
(51) 3338 0220
missel@missel.com.br

Imagem: freepik / inpiring

A IMPORTÂNCIA DA CURIOSIDADE PARA O SUCESSO DOS PROFISSIONAIS

*Por Ricardo Missel

O mercado de profissionais é formado por pessoas com diferentes perfis, interesses, competências e uma série de características que diferenciam uns dos outros. Não há, pelo menos no que se refere às questões de comportamento, dois profissionais com competências iguais. Isso é inerente ao ser humano, pois as experiências e ensinamentos que formam nossa personalidade e nosso perfil profissional são desenvolvidas durante a vida em diversos momentos.

Mesmo assim, é possível identificar que os profissionais que têm mais sucesso na carreira compartilham de algumas competências mais bem desenvolvidas, além de tomarem algumas atitudes bastante semelhantes frente aos desafios. Analisando o comportamento desses profissionais de sucesso, conseguimos identificar uma característica bastante comum em todos eles: a curiosidade.

De origem latina, a palavra curiosidade significa “desejo de conhecimento”. Ela é instintiva e está presente nos humanos e animais há muitos anos, sendo grande responsável por nos trazer ao desenvolvimento que vivemos até hoje. Mas por que ela é ainda tão importante? Basicamente porque ela foi a grande responsável pela maioria das grandes descobertas da humanidade.

Francesca Gino, uma cientista comportamental ítalo-americana, publicou um estudo na Harvard Business Review (revista científica mundialmente reconhecida) a respeito do quanto a curiosidade pode impactar o sucesso e o desempenho das pessoas. Os resultados a respeito da curiosidade são surpreendentes, e vão desde os reflexos desse fator para as pessoas até o impacto que isso pode gerar nos negócios.

Participaram da pesquisa mais de 3 mil pessoas. Podemos destacar três conclusões importantes a respeito da curiosidade nos profissionais:

1º Incentivá-la e cultivá-la leva pessoas de todos os níveis a se adaptarem mais facilmente às incertezas e pressões do mundo pessoal e profissional, pois desenvolvemos a capacidade de raciocinar e criar melhores soluções para os desafios. As pessoas se tornam mais colaborativas e confiam mais nas outras em um ambiente que ressalta a importância da curiosidade.

2º Pequenas atitudes dos líderes como incentivos e feedback podem potencializar um espírito de curiosidade extremamente benéfico para a organização, gerando inovação e criatividade à nível organizacional.

3º Ainda existe um grande receio nas lideranças em estimular a curiosidade, pelo medo de perder eficiência e produtividade. Apenas 24% das pessoas na pesquisa demonstraram que conseguem manter-se curiosos no seu trabalho, mas 70% disse encontrar barreiras de seus líderes para poderem questionar mais e fazer mais perguntas sobre o negócio.

São dados que refletem uma provável falta de abertura dos líderes e até mesmo das pessoas para desenvolver a curiosidade que é tão importante para um mundo de incertezas. Isso fica muito claro quando analisamos alguns dos principais benefícios que a curiosidade pode promover nos negócios:

– Reduz os erros na tomada de decisão

Quando buscamos mais informações sobre algo e somos curiosos automaticamente validamos ideias e verificamos possibilidades que, num ambiente sem curiosidade, acabamos por validar a partir de vieses preconceituosos e estereotipados.

– Gera inovação para criatividade e até para questões de rotina

Quando somos curiosos agimos de forma mais criativa, pois temos mais informação e argumentos frente aos desafios, além de reduzirmos as reações defensivas em busca de obter mais conhecimento pelas experiências e oportunidades.

– Reduz os conflitos

A curiosidade desenvolve a empatia e o interesse em ouvir os outros mesmo quando as opiniões são divergentes. Isso minimiza a possibilidade de conflitos improdutivos e discussões estressantes.

– Potencializa a comunicação e a colaboração

Pessoas curiosas gostam de conversar e trocar ideias que possam potencializar ainda mais seu conhecimento, seja ouvindo críticas construtivas sobre as suas percepções ou criticando construtivamente as opiniões e ideias dos outros.

No papel de líder, todo profissional deve buscar por pessoas curiosas, seja para atividades estratégicas ou operacionais. A curiosidade desperta o crescimento em qualquer atividade, seja ela simples ou complexa. O importante é desenvolver soluções através do conhecimento.



Voltar