(51) 3338 0220
missel@missel.com.br
mundanca-carreira-1024x613

O AUTOCONHECIMENTO PARA CRESCIMENTO NA CARREIRA – Por Claudio D’Amico*

Conhecimentos e habilidades técnicas não são mais suficientes para conseguirmos sucesso em nossa vida profissional. Cada vez mais, as atitudes e comportamentos têm sido fator-chave de sucesso para o bom desempenho no trabalho. Portanto, o autoconhecimento se tornou um grande aliado para o crescimento na carreira.

A maioria das pessoas quer saber o que precisa para crescer profissionalmente. Para isto, são utilizadas ferramentas de mapeamento de perfil, também conhecidas de Assessment, onde são mensuradas as competências comportamentais, tais como: relacionamento interpessoal, capacidade de comunicação, controle emocional, trabalho em equipe, capacidade de se expor frente a um grupo de pessoas, planejamento, potencialidade de liderança, dentre outras.

Percebo que muitas pessoas que utilizam uma ferramenta de mapeamento de perfil apresentam grande potencialidade em várias das competências mensuradas, mas algumas limitações para desenvolver outras com eficácia. Várias razões podem explicar tais limitações, como por exemplo, a má administração do tempo, a insegurança e até mesmo a ansiedade frente ao desconhecido podem causar uma diminuição da performance.

O principal objetivo desse tipo de ferramenta é identificar quais são os pontos fortes e as possibilidades de melhoria do profissional mapeado, com objetivo de orientar um plano individual para apoiar o desenvolvimento das competências onde ainda pode ter melhor desempenho. Além disso, conhecendo melhor seu perfil, é possível direcionar suas opções de trabalho para as oportunidades que lhe tragam maior satisfação.

Segundo uma pesquisa realizada pela BSP Career, somente 37% dos entrevistados que ganham até 5 mil reais conhecem seus pontos fortes e fracos, enquanto 66% dos que recebem mais de 10 mil reais afirmam conhecer esses pontos de sua personalidade. Esse estudo, feito com mais de 350 executivos, mostrou que os profissionais que ganham mais dão maior atenção ao autoconhecimento. Portanto, os profissionais que se preocupam com o autoconhecimento e autodesenvolvimento têm maiores possibilidades de alcançar o sucesso profissional e como consequência, ter maior remuneração.

Se você quer despertar seu verdadeiro potencial motivacional e ainda aumentar seus rendimentos, você deve investir em autoconhecimento, pois uma coisa é consequência da outra. Além desses benefícios, o autoconhecimento ajuda no crescimento pessoal, ter relacionamentos mais construtivos e, principalmente, confiar muito mais em si próprio.

A Missel trabalha com uma ferramenta de Mapeamento de Perfil – MaP, utilizada por empresas e profissionais para apoiar processos de Coaching e Desenvolvimento de Pessoas, onde o autoconhecimento é fundamental. Saiba mais em www.mapeamentodeperfil.com.br.

*Claudio D’Amico é Coach Executivo, especialista em Ferramentas de Gestão de Pessoas, Psicólogo e Sócio Diretor da Missel Capacitação Empresarial.



Voltar